35.173.234.169
(+258) 21 303 388Ligue Já!
Login
Conheça as soluções integradoras dos nossos ParceirosMarketplace
satisfação dos clientes

Satisfação dos clientes: a chave na gestão de negócios

Assistimos, nas últimas 2 décadas, a um aumento significativo da exigência dos consumidores para com os produtos e serviços fornecidos pelas empresas de tecnologia de informação. Conquistar e fidelizar clientes é, hoje, uma das principais preocupações das empresas. Para tal, é fundamental garantir a satisfação dos clientes e responder às suas mais elevadas expectativas.

A primeira experiência das empresas na implementação de um sistema de informação, foi sem dúvida, um momento marcante e, muitas das vezes, traumático. No entanto, possibilitou a aquisição de conhecimento e competências que, até então, não existiam.

A maioria das empresas já vivenciou várias implementações dos seus sistemas de informação e, na verdade, isso trouxe dificuldades e benefícios quando comparamos a primeira implementação das restantes. Se por um lado existe uma aprendizagem inerente ao conhecimento adquirido com os erros do passado, por outro lado, a dificuldade em balizar o âmbito e a necessidade de potenciar ao máximo a utilização do sistema, tornou as implementações mais complexas e obrigou à gestão permanente das expectativas do cliente em todas as fases do projeto.

Satisfação dos clientes: como usar a favor do negócio?

Todas as empresas têm ferramentas ao seu dispor que permitem perceber se os clientes estão descontentes com os produtos ou serviços fornecidos. Contudo, esta é uma prática que exige tempo. Classificar esse tempo como investimento é a decisão correta para melhorar a resposta e ir ao encontro das necessidades dos nossos clientes. O melhor exercício passa por tentar perceber o que o cliente espera, exatamente, da empresa.

Não se trata de uma fórmula mágica nem de uma uniformização de ações que permita garantir a satisfação dos clientes de forma global. No entanto, existem algumas ações importantes para aumentar essa probabilidade:​​​​​​​

1. Personalizar o relacionamento

A empresa deve estar preparada para oferecer uma experiência diferente, muito além de um simplesproduto final. Assim, além de uma empresa que fornece um produto/serviço, passará a ser uma empresa que oferececonselhos especializados. Dessa forma, tornará a experiência do cliente ainda melhor.​​​​​​​

2. Acrescentar valor

Por vezes existe a ideia de que a gestão da satisfação dos clientes passa apenas pela relação harmoniosa que criamos. Este é, sem dúvida, o maior erro da gestão de clientes. A harmonia é fundamental, mas a inovação é o que mantém viva esta relação.

 

3. Cumprimento de prazos

Um ponto sensível: gestão da necessidade vs gestão da entrega! A imagem da empresa depende deste aspeto. O não cumprimento dos prazos tem um efeito dominó em qualquer projeto e é um fator negativo na credibilidade das organizações.

4. Comunicação eficaz

A comunicação eficaz aumenta o nível de confiança em qualquer relação. Este é o verdadeiro pilar na gestão do relacionamento: não deixar nada nas entrelinhas. Objetividade e clareza são as palavras de ordem.

 

A pressão da concorrência e a manutenção de uma estrutura que tem de ser salvaguardada deve assentar nestes princípios de satisfação dos clientes. O retorno a médio-longo prazo será uma evidência que o investimento na satisfação e na relação com os clientes traz um retorno financeiro superior. Neste caso, o efeito dominó poderá jogar a favor das organizações: clientes satisfeitos querem mais e criam referências para o mercado.

Manter a satisfação dos clientes, muitas das vezes, obriga à tomada de decisões estratégicas de gestão: abdicar do crescimento para consolidar primeiro e crescer depois.

 

0 Comentários.
Mostrar comentários
Receba a newsletter com as nossas melhores histórias!